CCR SPVias inicia campanha sobre o respeito aos limites de velocidade

0

Iniciativa faz parte do Movimento Paulista de Segurança no Trânsito

Respeitar a sinalização e o limite de velocidade são princípios básicos para uma condução segura, seja nas ruas ou nas rodovias. Pensando nisso, a CCR SPVias inicia nessa semana a campanha “Viagem Segura – Respeite os limites de velocidade”.

Essa campanha integra as ações do Movimento Paulista de Segurança no Trânsito, que tem o objetivo de reduzir, até 2020, em pelos menos 50% o número de vítimas fatais no Estado de São Paulo.

Para reforçar os objetivos do movimento, a Concessionária distribuirá em suas praças de pedágio panfletos sobre a importância de respeitar os limites de velocidade. O material educativo possui foco na conscientização da sociedade e ainda oferece dicas úteis para os motoristas, como evitar freadas bruscas, parar no acostamento apenas em caso de emergência e reduzir a velocidade nas proximidades de locais com grande circulação de pessoas, como escolas, hospitais e áreas urbanas.

De acordo com o gestor de atendimento da CCR SPVias, Luiz Fernando De Donno, o panfleto também esclarece que a velocidade máxima de uma rua ou rodovia é determinada após estudos técnicos detalhados. “Os motoristas precisam saber que o limite de velocidade é estabelecido para dar mais segurança ao usuário e desrespeitar isso é colocar a vida em risco”, afirma.

Movimento Paulista de Segurança no Trânsito
Com o slogan “Vida, dê preferência”, o Movimento Paulista de Segurança no Trânsito é um desdobramento do decreto nº 61138/2015, que determinou a elaboração de medidas para diminuir o número de vitimas do trânsito.

Coordenado pela Secretaria de Governo, o programa integra mais sete secretarias e será posto em prática pelo Detran.SP (Departamento Estadual de Trânsito). Há ainda a colaboração de mais de 20 instituições, entre elas as concessionárias de rodovias do Estado de São Paulo.

Rodovias são administradas pela CCR SPVias. Foto: Divulgação

Rodovias são administradas pela CCR SPVias. Foto: Divulgação

Compartilhar

Comentários